Notícias

Tarifa de ônibus em Mogi das Cruzes não terá reajuste. Prefeito Marcus Melo anunciou ontem que valor será mantido em R$ 4,10, preço que vigora desde o ano passado. Ele atribuiu tal medida ao fato de o Município haver mantido a isenção do recolhimento do Imposto Sobre Serviços (ISS) para as empresas CS Brasil e Princesa do Norte até 2021.

No quadro “O Prefeito e a Comunidade” com o prefeito de Mogi das Cruzes, Marcus Melo, um dos assuntos em destaque é o pedido de reajuste da tarifa de ônibus na cidade. A Prefeitura está estudando a proposta encaminhada pelas empresas que administram o transporte coletivo em Mogi e busca alternativas para que o reajuste não aconteça. Oficinas do Plano Diretor, criação da Patrulha Maria da Penha e da Patrulha Rural e as obras de mobilidade são outros assuntos em destaque agora no Radar Noticioso.

Prefeituras do Alto Tietê analisam pedidos de aumento das tarifas das empresas de transportes coletivos para as cidades da região. Em Mogi das Cruzes, a solicitação do reajuste da tarifa foi dos atuais R$ 4,10 para R$ 5,33. Em Suzano, o prefeito Rodrigo Ashiuchi anunciou que não vai ter aumento da passagem e o valor continua em R$ 4,10.

Vereadores de Mogi das Cruzes aprovam mudanças nas taxas do IPTU, CIP e ISS. Projetos aprovados são a revisão da Planta Genérica, valor da iluminação pública e do Imposto Sobre Serviço. A sessão de ontem transcorreu de maneira tranquila, mas com uma ampla discussão entre a base do Governo e da Oposição.

Imposto muda para enfrentar a crise em Mogi das Cruzes. IPTU, ISS e CIP: mudanças enviadas à Câmara Municipal devem gerar um aumento de 5% no orçamento previsto para 2018. Pacote de tributos chegou ontem ao Legislativo; prefeito Marcus Melo explica por que precisou tomar essas medidas para manter os serviços na cidade.