Associação dos Moradores da Vila Oliveira e Adjacências ingressou com nova petição junto ao Ministério Público para tentar cancelar a Audiência Pública e impedir as mudanças na Lei de Zoneamento

0

As propostas de mudanças de zoneamento da Vila Oliveira envolvem questões de interesses econômico e social no bairro de Mogi das Cruzes. São dois grupos de moradores que divergem sobre o tema: os que são contra a abertura do local para novos empreendimentos imobiliários e comerciais, mesmo que seja de baixo impacto, defendem a qualidade de vida e o outro que quer a valorização de seus imóveis. A Prefeitura defende as mudanças, tanto que providenciou a realização de estudos técnicos para comprovar a viabilidade de instalar prédios de até 30 metros e liberar as atividades comerciais e de serviços de baixo impacto no bairro. O material, que está disponível no site da Secretaria Municipal de Planejamento, vai ser o tema da discussão da audiência pública agendada para o próximo dia 22 de fevereiro. A Associação dos Moradores da Vila Oliveira e Adjacências ingressou com nova petição junto ao Ministério Público para tentar impedir as mudanças na Lei de Zoneamento, cancelar a Audiência Pública e suspender os alvarás que a Prefeitura estaria concedendo para construções irregulares no local.

Visualizar esta foto no Instagram.

Uma publicação compartilhada por Marilei Schiavi (@marileischiavi) em

Share.

Comments are closed.